Memorial de ministros: catálogo alfabético dos ministros de letras

Foi publicado, numa coedição entre a Biblioteca Nacional de Portugal e o Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais de Magistratura do Brasil, o Memorial de ministros. Trata-se de uma obra iniciada por Frei Luís de São Bento e depois continuada por frei António Soares, monges cistercienses do Mosteiro de Alcobaça, ao longo do século XVIII. O manuscrito do Memorial de Ministros, permaneceu inédito e foi agora objecto de uma transcrição e edição crítica de Nuno Camarinhas, investigador do CEDIS da FD-UNL, compilando os diferentes textos deixados pelos autores da obra.

O resultado é um dicionário biográfico dos magistrados portugueses, obra de grande vulto realizada entre 1723 e os primeiros anos do século XIX. Para a elaboração do manuscrito, os autores reuniram dados sobre os magistrados que serviram a coroa portuguesa, através da consulta de arquivos e cartórios, da consulta de bibliografia de carácter corográfico, histórico, biográfico ou genealógico, e de uma ampla rede de correspondentes originários das diferentes regiões do Reino. Os dados que a compõem encontram-se distribuídos por nove grandes códices in 4.º de mais de 400 fólios cada que integram a Coleção de Códices Alcobacenses que se encontra à guarda da Biblioteca Nacional de Portugal (BNP).

Para esta edição impressa, procedeu-se à organização da informação dispersa no manuscrito, a sua ordenação e cotejamento das diferentes versões. O dicionário, agora editado, reparte-se por dois volumes. Está em preparação a edição de um terceiro volume contendo a informação de carácter geográfico, produzida pelos mesmos autores. Existe, igualmente, uma versão em e-book, que reúne os dois primeiros volumes.

Esta obra constitui um valioso manancial de informação para melhor compreendermos a magistratura portuguesa, desde os primórdios da implementação do Direito comum no Reino até ao final do Antigo Regime.

 

Link: http://livrariaonline.bnportugal.pt/Issue.aspx?i=202202

memorial de ministros