AS ARTES MARCIAIS E AS POLÍCIAS DE COMPETÊNCIA GENÉRICA – AUTODEFESA E O USO DA FORÇA

CEDIS Working Paper Direito Segurança e Democracia n.º 24 novembro 2015

Resumo e palavras-chave

Autor: Fernando Viana Da Cruz Cardoso Colaço

 

RESUMO

Partindo do enquadramento legal que consubstancializa a importância do respeito pelos direitos humanos e pela integridade de todos os cidadãos que deve pautar a atuação das forças de segurança, nomeadamente a Guarda Nacional Republicana, e considerando que os seus agentes se deparam frequentemente, no exercício das suas funções, com a necessidade de intervir para evitar ou pôr cobro a situações de violência, procura-se apresentar o aikido como uma alternativa viável e eficaz na ação dos agentes da autoridade.

Assim, apresentam-se sumariamente as características fundamentais desta arte marcial, faz-se uma breve resenha do que se passa em vários países no que toca ao uso do aikido por parte de forças de segurança e desenha-se um plano de formação modular destinado em primeira instância aos militares da Guarda Nacional Republicana, mas alargável a outras forças de segurança

 

PALAVRAS-CHAVE

Aikido, imobilização, técnica.

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

Abstract and keywords

Author: Fernando Viana Da Cruz Cardoso Colaço

 

ABSTRACT

The performance of law enforcement agents, specially GNR agents, should respect human rights and the integrity of all citizens. Thus, and because GNR agents are confronted several times with violent situations, that must be stopped or prevented, aikido is presented as a viable and effective alternative to help law enforcement agents in their line of duty.

So the fundamental features of this martial art are brieffly described as well as its use by law enforcement agencies in other countries. A training plan is also described, destined mainly to the GNR agents, but ultimately it can be extended to other security forces.

 

KEYWORDS

Aikido, immobilization, technique.

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

Ver Publicação

WP2