AS FONTES HUMANAS DOS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO

CEDIS Working Paper Direito, Segurança e Democracia n.º 6, julho 2015

Resumo e palavras-chave

Autor: Pedro Nunes

 

RESUMO

É efectuada uma análise comparativa entre as fontes humanas dos serviços de informações e os informadores utilizados pelas polícias.

A História da Pide constitui o elemento definidor da estrutura, funcionamento e enquadramento legal dos serviços de informação em Portugal.

Na investigação Criminal existe um quadro bem definido dos respectivos poderes, como é o caso das acções encobertas. O recrutamento e gestão de informadores devem ser efectuados segundo normas e procedimentos específicos.

 

 

PALAVRAS-CHAVE

Fontes humanas, Informadores, Serviços de Informações, Investigação Criminal, PIDE, Ações Encobertas.

 

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

 

Section 2

Human sources and informants: From Intelligence to Criminal Investigation

 

Author: Pedro Nunes

 

ABSTRACT

A comparative analysis between human sources of intelligence services and informants used by the police is made.

The History of PIDE is the defining element of the structure, functioning and legal framework of intelligence services in Portugal.

Criminal investigation exists in a well-defined framework of their powers, as in the case of covert actions. The recruitment and management of informants should be conducted according to specific rules and procedures.

 

KEYWORDS

Human sources, informants, Intelligence Services , Criminal Investigation, PIDE, Covert Action.

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

Ver Publicação

WP2