SEGURANÇA PRIVADA – TERÁ A SUA ACTIVIDADE INFLUÊNCIA NO SENTIMENTO DE SEGURANÇA DA SOCIEDADE PORTUGUESA?

CEDIS Working Paper Direito, Segurança e Democracia n.º 41 setembro 2016

Resumo e palavras chave

Autor: Luciano Martins da Silva

 

RESUMO
Devido à evolução da sociedade humana e à globalização, o conceito de segurança sofreu alterações significativas, sendo que algumas dessas alterações resultaram da presença do fenómeno da violência, que se traduz, sobretudo, num sentimento de insegurança, este causado pela percepção de insegurança e pelo medo. Uma das formas de combater este sentimento de insegurança passa pela capacidade do Estado de criar uma Policia capaz de garantir a segurança dos seus cidadãos e de salvaguardar os seus direitos, liberdades e garantias. Contudo, na actualidade, o Estado tem dificuldade em garantir a segurança dos seus cidadãos, tendo começado a privatizar a segurança. A segurança privada acabou por assumir um papel predominante na sociedade, exercendo, de forma complementar algumas missões outrora exclusivas do Estado e da segurança pública, passando a sua actividade a ser vista como um factor de influência no sentimento de segurança da sociedade portuguesa.
PALAVRAS-CHAVE
Segurança, Pública, Privada, Sentimento, Privatização.

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

Abstract and keywords

Title: Private Security – does its activity have influence in the feeling of safety of the Portuguese society?

Author: Luciano Martins da Silva

 

ABSTRACT
Due to the evolution of human society and globalization, the concept of security has undergone significant changes. Some of these changes resulted from the presence of the phenomena of violence which translates above all in a feeling of insecurity, caused by the perception of insecurity and fear. One way to combat this feeling of insecurity involves the state’s capacity to create a police able to ensure the safety of its citizens and to safeguard their rights, freedoms and guarantees. However, the state has difficulty in ensuring the safety of its citizens and started to privatize security. Private security turned out to play a strong role in society, acting in a complementary way in some of the once exclusive missions of the State and public safety, so that its activity to is being seen as a factor of influence on the sense of security of the Portuguese society.

 

KEYWORDS
Security, Public, Private, Feeling, Privatization.

 

CEDIS Working Papers Direito, Segurança e Democracia ISSN 2184-0776

Ver Publicação

WP2 - DiSeD